Quantcast

O Parque Provincial Ischigualasto, popularmente chamado “Valle de la Luna” (Vale da Lua), e o Parque Nacional Talampaya, situados na região do Cuyo, o primeiro, e na região Norte, o segundo, foram incluídos dentro da lista do Patrimônio Mundial da UNESCO, como Bem Natural, no ano 2000.

Ischigualasto, na província de San Juan, é uma das jazidas paleontológicas mais importantes do mundo: resguarda restos de vertebrados que habitaram o lugar há 180 milhões de anos. Apesar de que a primeira coisa que chama a atenção aqui é a surpreendente paisagem de rochas e cores; o solo, com aspecto lunar, e as enormes barrancas muito vermelhas e roxas nos levam a pensar que estamos em presença de outro planeta. Em Ischigualasto, o vento, a chuva e o sol deixaram sua marca muito particular ao longo dos anos. Criado em 1971, o “Valle de la Luna” ocupa por volta de 62.000 hectares entre os que se vislumbra um circuito principal que pode ser percorrido de carro, ou de moto, sempre em companhia de guias autorizados.

O Talampaya, na província de La Rioja, é um impactante deserto vermelho por onde caminharam os dinossauros, sendo também o lugar onde os homens deixaram suas marcas em petróglifos gravados sobre as paredes rochosas. Sua maior atração são as maravilhosas e imponentes falésias de rocha avermelhada e as mil formas fantásticas talhadas pela erosão, entre as quais, encontra lugar para seu ninho a estrela dos céus do lugar: o condor andino. De ônibus, de van ou de bicicleta, por solos rochosos que atravessam leitos de rios secos junto a verdadeiros gigantes de pedra, no Talampaya a capacidade de assombro dos viageiros não tem fim.

 

Share Share Share Share

Mais para ver